Notícias

NOVIDADE ENTREVISTA - MANOEL VIEIRA

27/07/2018


Ele me recebeu de terno. Não esperaria menos dele. Os cabelos brancos finamente penteados para trás e amainados por alguns muitos gramas de gel era indefectível. Mesmo ele se apresentando como um reles mortal, durante toda nossa conversa ele recebia mensagens e falava ao telefone. Consegui pescar algo sobre visitar um amigo que não podia sair de Curitiba, sobre a entrega de 3 caminhões de camisas vermelhas em São Paulo e ainda a confirmação de sua viagem para a Suíça no mês seguinte. Tudo resolvido de forma rápida e bastante gentil. Vi que ele carregava um broche que parecia em formato de estrela no lado esquerdo da lapela…. acho que era uma estrela, mas definitivamente estava do lado esquerdo.

Manoel Vieira, uma pessoa grandiosa e um piloto que merece ter sua entrevista publicada (quase) na íntegra!



Quem é Manoel ?
Um engenheiro e programador, aquariano, sedentário, nerd fã de Star Trek, super-heróis Marvel e DC e livros, filmes e seriados de ficção científica.  Gosto de viajar para conhecer outros países e seus estilos de vida . Já fiz curso de fotografia e astrologia. Utópico, lógico, sem preconceitos, anti-conservadorismo social e politicamente de esquerda. 

Como você chegou ao kart amador e à F46 ?
Em 2006 andei pela primeira vez de kart, fiquei meio viciado na adrenalina de correr perto dos pneus do Point Kart.  Comparecia, no mínimo, uma vez por semana, fiz o cursinho de pilotagem de lá e organizei várias baterias de amigos do trabalho.  Até que foram desistindo ao ponto de eu mandar um e-mail para 50 pessoas e apenas um responder...  que não iria.  Daí pesquisei na internet por algum grupo menos "profissional" (o XKart do professor Ricardo da Escolinha do Point parecia já bem competitivo com pilotos divididos por categoria como hoje é o F46).  Achei o FCKart (Fórmula Carioca de Kart, acho que era esse o nome) sob a direção do Raphael Bastos e comecei minha vidinha medíocre de coadjuvante.

O que te faz querer estar nesse grupo há tanto tempo ?
"Grupo bom esse... Gostei de vocês.  Vocês ficam só zoando..."  As pessoas são educadas e, em poucas ocasiões, imprudentes com os coleguinhas na pista. 
 
 
Qual sua expectativa pra essa temporada ?
Sair ileso.

Você já se envolveu em alguma confusão com outro piloto ? Como e por que ?
Confusão não.  Só tive um acidente fissurando uma costela quando encontrei um kart parado no traçado de uma curva.  E, quando ainda corríamos no Nova América, estava liderando e alguém me deu um totozinho para me rodar e óbvio caí para último, sem possibilidade de recuperação.  Talvez pudesse ter sido minha 1ª medalha se não acontecesse outro incidente na pista.

Quem você acha que será campeão na sua categoria ?
Se não faltar mais etapas, deve ser o Erick Bloise.

Quem é seu maior rival na categoria ?
Não sei se é rival, mas quem mais tenho encontrado na pista, adiando que eu ganhe outra medalha por duas vezes é o Paulo Torres.  Tem atrapalhado um pouco mas sempre de modo limpo. (senti uma tensão no ar…)

Qual o seu objetivo na temporada de 2018 ?
Ganhar mais uma medalha e fazer mais pontos que no ano passado.
 

Recado para os fãs
Obrigado pela torcida, apoio e carinho quando faço corridas melhores que meu padrão e aproveito o momento para lembrar que eu piloto limpo (talvez até demais) e se seu kart estiver melhor, basta esperar que provavelmente vai ultrapassar quando eu der uma espalhada.  Não precisa me tirar da pista.

Manoel se despediu apertando minha mão com força e me entregando um santinho com sua foto e um número de candidato a deputado estadual. Tem futuro esse polí…. ops, piloto!
$equipe->getNome()} $equipe->getNome()} $equipe->getNome()} $equipe->getNome()} $equipe->getNome()} $equipe->getNome()} $equipe->getNome()}